Fica ou sai? Especulações sobre o futuro de Guarin no Vasco

10/07/2020 às 08h10 - FUTEBOL

A permanência de Guarín no Vasco segue indefinida e o desfecho, um verdadeiro mistério. No Vasco, muita gente já dá como certa a saída do jogador. No entanto, pessoas próximas do colombiano afirmam que ele está confuso sobre a decisão que vai tomar.

Guarín está passando por problemas pessoais, de cunho familiar, devido ao término do relacionamento com Sara Uribe, que é uma personalidade na Colômbia. Ela deixou o Brasil em dezembro, levando o filho pequeno do casal. No mês passado, o jogador esteve no país de origem, mas a reconciliação não aconteceu. A relação parecia ser bem intensa, tanto que o jogador mencionou a esposa no dia em que chegou no Vasco.

— Foi muito rápida a decisão. Estava em viagem com a minha família. Aristizábal (ex-jogador) me perguntou se eu queria vir jogar no Vasco e eu falei que iria escutar. Ele disse: “O mister (Luxemburgo) vai te ligar”. Falamos dez minutos, ele me convenceu. Pedi dez minutos para conversar com a minha família. Minha mulher ouviu a conversa com o mister e disse que sim. São elas que mandam, né? (risos).

Além da questão pessoal, os atrasos salariais estariam pesando contra o Vasco, na possível permanência de Guarín. Entretanto, de acordo com a apuração do Esporte News Mundo, esse problema incomoda, não só ao Guarín, mas todo o elenco, porém não está em pauta no momento

Para renovar, Guarín estipulou que o Vasco acertasse as pendências financeiras do passado e um contrato superior a um ano. O clube aceitou as condições. Em contrapartida, o salário não foi alterado e os vencimentos permaneceram em torno de R$ 200 mil mensais. Com isso, o colombiano assinou até dezembro de 2021. Isso ajuda a confirmar a tese de que dinheiro não é um dos problemas centrais da possível saída.

EO VASCO?

A identificação é grande e está tatuada na pele. Porém a felicidade, no momento, não se encontra em São Januário. A indefinição já incomoda a comissão técnica, que prepara o elenco, dia após dia, para o restante da temporada. O Vasco tem pressa, já que precisa se planejar.

Caso a saída de Guarín se confirme, o Vasco irá ao mercado em busca de um substituto, já que abriria uma brecha na folha salarial. O clube quer aproveitar o período sem jogos para fazer essa contratação. Portanto, o desfecho precisa ser o quanto antes.

Fonte: Esporte News Mundo